Apresentador estava internado desde o domingo (23) em hospital em Minas Gerais.

Jota Júnior foi prefeito de Bayeux, na grande João Pessoa (Foto: Rizemberg Felipe/Jornal da Paraíba)


Morreu na madrugada desta segunda-feira (24) o comunicador e ex-prefeito de Bayeux Jota Júnior. O paraibano de Campina Grande morreu em um hospital de Belo Horizonte, em Minas Gerais, onde estava internado desde o domingo (23) depois de ter uma parada cardíaca durante o voo que o levava até Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, onde daria continuidade a um tratamento médico. Até as 8h desta segunda-feira a família ainda não tinha definido local e horário de velório e enterro. 

Jota Júnior foi prefeito de Bayeux, na grande João Pessoa. Há um ano o apresentador e político enfrentava um tratamento contra o câncer. 

De acordo com uma sobrinha de Jota Júnior, identificada apenas como Raquel, a morte aconteceu por volta das 4h desta segunda-feira. O comunicador estava viajando para Porto Alegre, onde faria uma nova fase do processo de transplante de pulmão, mas teve uma parada cardíaca durante o voo e precisou parar em Minas Gerais e ser internado. Ele não resistiu e morreu no hospital. 

Ainda segundo Raquel, um irmão do apresentador segue na manhã desta segunda-feira para Belo Horizonte para providenciar a transferência do corpo para a Paraíba e, por isso, a família ainda não tem previsão de quando começa o velório. 

Ex-prefeito usou redes sociais para comentar o tratamento médico (Foto: Reprodução/@jotajuniortv)

Uma semana antes da morte, o ex-prefeito usou seu perfil em uma rede social para comentar o tratamento médico que completava um ano. "Hoje me sinto bem mais próximo do meu Deus. Hoje sei que como ser humano estou bem melhor", escreveu na publicação. 

Notas de pesar
 
A Prefeitura de Campina Grande e de João Pessoa, além da Câmara de João Pessoa emitiram notas de pesar no início da manhã desta segunda-feira (24). O prefeito Romero Rodrigues (PSDB), de Campina Grande, lamentou a morte do ex-prefeito de Bayeux e comentou que "Jota Júnior deixa um grande vazio na vida pública da Paraíba". Por sua vez, a mesa diretora da Câmara de João Pessoa lembrou que ex-prefeito "tornou-se conhecido em todo o estado através da televisão". O prefeito Luciano Cartaxo também lamentou e enviou "profundos sentimentos e solidariedade à família, aos admiradores e aos amigos desse mestre da comunicação". 

Carreira política e vida pessoal
 
Josival Júnior de Sousa foi eleito prefeito de Bayeux pela primeira vez em 2004, com 57% dos votos. Em 2008, Jota Júnior foi candidato novamente e foi reeleito, com cerca de 55% dos votos. Como comunicador, Jota Júnior começou sua carreira no rádio, até alcançar a função de apresentador em TVs locais. Jota Júnior tinha 52 anos. Ele deixa esposa, duas filhas e dois netos. 

Jota Júnior foi prefeito de Bayeux, na grande João Pessoa (Foto: Francisco França/Jornal da Paraíba)



G1
Axact

TERRA NOVA FM 88.7 - UM NOVO PROJETO EM RÁDIO

Um Orgão da Fundação Educativa e Cultural Manoel Joaquim dos Santos(FUNDEC), Fundada em 22 de Dezembro de 2014,tem como objetivo principal informar e propiciar ao ouvinte a melhor informação junto a uma educação de qualidade.

Postar um comentário:

0 comentários: