Francisco Inacio de Lima Pita
Dois fatos já esperado vem acontecendo em nossa região. O primeiro trata-se dos donos da transposição do Rio São Francisco, o segundo fato aborda a presença de pré-candidatos de outras comarcas, chegando às cidades da região de Cajazeiras. O lance que chama mais atenção e como sempre estes peregrinos disfarçados de bons servidores do povo procuram líderes locais, provavelmente fornece dinheiro e leva o voto da população através destas lideranças políticas regionais. Até quando o povo mais vez será prejudicado, já está na hora da população analisar e não aderir à conversa destes forasteiros e desprezar as lideranças locais oportunistas que apoiam pessoas de outras províncias. Parece que eles vendem os seus eleitores aos estranhos políticos como se fosse uma boiada.

Trechos finais da obra da transposição do Rio São Francisco estão parados, poucos políticos no poder tem se manifestado e entrado na brica pela sua conclusão. No entanto, muitos penetras que até foram contra a realização da obra em épocas passadas, disseram que a obra era inviável, agora aparece como um dos que lutaram pela sua concretização. Alguns destes políticos e aliados ao presidente Michel temer, devia pressionar o governo federal para dar continuidade ao trecho paralisado, que na verdade, vem rolando com a barriga desde de Junho do ano passado.

A transposição das águas do Rio São Francisco tem o seu pai principal, O EX-PRESIDENTE LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA, se não fosse Lula a obra nunca teria iniciado. Lula sim, brigou com políticos poderosos da Bahia e outros políticos do sul e sudeste, mas deu início a obra redentora para nordeste brasileiro. O erro de Lula e Dilma foi não fiscalizar os recursos, ou sabiam dos desmandos e quem sabe até usufruíram dos prováveis desvios de verbas no período que governaram.

O novo fato, mas já esperado, trata-se da presença de pré-candidatos estranhos. A maioria destes políticos, hoje viciados em fazer tramoias e enganar o povo sofrido de nossa região. Até quando teremos que viver situação como essa? 

Observamos os nossos representantes locais apoiando deputados estranhos e origina dúvida da sua representatividade, a forma de conseguir os votos é muito estranha, mas o povo deve lembrar-se do abandono atual, da votação dos projetos de emenda à constituição, PEC, lembrar que muitos deles estão contra aos nossos interesses, é preciso dar um chega e escolher com responsabilidade os nossos representantes, procurar pessoas da região, estranhos em último caso e depois de pesquisar a sua vida de ponta a ponta. Bom mesmo é se conscientizar e votar com responsabilidade, a escolha errada vai prejudicar a todos. Estas recomendações estão sendo direcionadas aos líderes políticos tanto da situação como da oposição de nossa região, ver se vocês entendem o ponto chave e representa bem povo, deixem os interesses próprios e procuram apoiar representantes de nossa região, chega de peregrinos aventureiros e penetras. O povo precisa está de olho aberto e não entrar na conversa das lideranças locais, na maioria dos casos, estas lideranças locais recebem dinheiro destes políticos passageiros e se beneficiam a nossas custas. Todo cuidado é pouco.

Falta ainda muito para as eleições majoritárias, os pretendentes aos cargos políticos já começam a marcar presença. Aconteceu no carnaval desde ano e no ano que vem todos os políticos da região e muitos forasteiros vão participar de tudo, feste de carnaval, velórios de estranhos acompanhado das lideranças locais, festas de padroeiros, renovações do coração de Jesus, procissão de imagens de santos, forro de pé de serra, quadrilhas juninas, e marcar presença em todos os locais onde tiver a presença de pessoas. A maioria dos políticos vão se apresentar com caro mais lisa e apresentando mil desculpas por não ter realizados tudo em beneficio do povo alegando a crise em todo pais, crise essa, criado por eles mesmos, veremos uma verdadeira falta de vergonha de muitos deles. Outro ponto que a maioria deles vão usar, é a famosa mentira, muitos vão ser o pai de várias obras para impressionar o povo, mas tenha cuidado e procure pesquisar a vida destes cidadãos que pretendem nos representar para não ser mais uma vez enganado. Todo cuidado é pouco.

Fazer projetos em nosso beneficio não honra e nem merece o nosso respeito, principalmente porque uma grande maioria dos deputados e senadores recebe por baixo dos panos um percentual das verbas que direcionam as obras construídas em nossa região, então, muitas vezes nós não devemos nada a estes políticos, eles já recebem um salário muito alto para tal função. Apresentar projetos em benéfico do povo não é nada mais nada menos do que a sua obrigação, repito: todo cuidado é pouco.
Axact

TERRA NOVA FM 88.7 - UM NOVO PROJETO EM RÁDIO

Um Orgão da Fundação Educativa e Cultural Manoel Joaquim dos Santos(FUNDEC), Fundada em 22 de Dezembro de 2014,tem como objetivo principal informar e propiciar ao ouvinte a melhor informação junto a uma educação de qualidade.

Postar um comentário:

0 comentários: